Luciano Huck deve deixar a Globo em junho para participar das eleições presidenciais de 2022, diz revista

Foto: Reprodução

O apresentador Luciano Huck parece já estar dando os primeiros passo rumo à corrida presidencial em 2022. Segundo a revista Veja divulgou nesta sexta (22/1), o responsável pelo “Caldeirão” deve encerrar o contrato com a Globo no meio deste ano para se dedicar à empreitada.

O próximo passo do marido de Angélica seria se filiar ao Democratas (DEM), mesmo partido dos baianos ACM Neto e Bruno Reis, ex e atual prefeitos de Salvador, e buscar um vice. Seu desejo seria, segundo a reportagem, compor a chapa com o tucano Eduardo Leite.

A concretização da campanha poderia atrapalhar os planos do governador de São Paulo, João Doria (PSDB), com quem Huck, pelo menos em tese, disputaria a mesma fatia do eleitorado. Além disso, ambos são empresários bem-sucedidos, que devem se apresentar para o eleitorado do país como figuras de fora do universo político tradicional. 

“Um cacique do DEM, que acompanha os movimentos de Huck, garante que o apresentador não baterá de frente com o tucano. Não haverá divisão no centro. O projeto que tiver maior potencial de vencer nas urnas será o escolhido”, revela a coluna Radar. (Aratu Online)