Mãe de Gil do Vigor emociona ao revelar que precisou se prostituir para criar filhos

Gilberto Nogueira, também conhecido como Gil do Vigor, passou por muitas experiências na vida, e em sua maioria atreladas à história da mãe, dona Jacira Santana. Na autobiografia Tem Que Vigorar, lançada este mês, o economista conta detalhes sobre a fase difícil que viveu ao lado da família.

Inclusive, em um dos momentos, a própria matriarca destaca o período em que precisou se prostituir para manter os filhos. “Um homem me ofereceu dinheiro para eu poder comprar comida para as crianças se eu saísse com ele. E eu fiz isso. (…) Chegar a esse ponto é extremamente difícil para uma mulher. Mas não tenho vergonha: meus filhos valem mais do que eu…”, relatou

No mesmo trecho, o ex-BBB confidencia que por muitas vezes acordou e viu a mãe chorando. Nessa época, o novo funcionário da Globo foi morar um tempo na rua e que precisou pedir dinheiro para conseguir comer com as irmãs Juliana e Anielly, frutos do casamento da mãe.

Os problemas não pararam por aí. Dona Jacira sofreu violência física e psicológica durante o período que esteve com o pai do doutorando em Economia. Foi nessa fase da vida que ela pegou os filhos e fugiu para São Paulo.

Na produção literária, a mãe de Gil ainda defende as mulheres que são julgadas por se prostituírem: “Eu tive que me deitar com homem para trazer comida para casa. Me vendi para criar meus filhos. E isso não me torna menor do que ninguém”, diz ela. (IBahia)