Marinha emite alerta de mau tempo com ondas de até 3 metros na BA

0
143
-Foto: Reprodução/TV Bahia
Foto: Reprodução/TV Bahia

O Centro de Hidrografia da Marinha emitiu um alerta de mau tempo nesta sexta-feira (7), com previsão de ressaca com ondas de até 3 metros de altura, entre as cidade de Ilheús, no sul da Bahia, e Maceió, em Alagoas – trecho que passa por Salvador e outras cidades baianas. Conforme a Marinha, o alerta é válido até a noite do sábado (8). A entidade recomenda que as embarcações de esporte e recreio e de pesca não naveguem em águas abertas; que as agências e condutores de embarcações de transporte marítimo de pessoal avaliem a interrupção do serviço; e que sejam redobrados cuidados no fundeio e na amarração das embarcações, para evitar que se soltem e fiquem à deriva. Em nota, a Marinha ressalta ainda que, em caso de necessidade, as Organizações Militares responsáveis pela segurança da navegação, na área marítima da Bahia, poderão ser acionadas, em qualquer horário, por meio dos telefones dos postos : Capitania dos Portos da Bahia: (71) 3507-3777 / Delegacia da Capitania dos Portos em Porto Seguro: (73) 3421-2050 / Delegacia da Capitania dos Portos em Ilhéus: (73) 3222-5100.Pedidos de auxílio também podem ser encaminhados para o Serviço de Busca e Salvamento Marítimo (SALVAMAR) Leste, no disque 185.

Previsão do tempo em Salvador

Em Salvador, a previsão é de tempo nublado, com pancadas de chuva, até a segunda-feira (10), segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). As temperaturas na cidade devem variar entre 22º e 29º durante o período. Nesta sexta-feira (7), a capital teve muitos pontos com céu nublado durante o dia e há possibilidade de chuva e ventos fortes até o final da noite. Segundo meteorologistas, a situação é provocada pelo sistema de alta pressão, que está empurrando as nuvens da frente fria para o continente.

- Anúncio -

Ocorrências da Defesa Civil em Salvador

Em nota, a Defesa Civil de Salvador (Codesal) informou que foram registradas 90 ocorrências na cidade até as 17h desta sexta-feira (7), sem feridos. Segundo os dados, foram 5 imóveis alagados, 26 ameaças de desabamentos, 3 ameaças de desabamento de muro, 10 ameaças de deslizamentos, 18 árvores ameaçando cair, 3 árvores caídas, 1 desabamento de muro, 2 desabamentos parciais, 8 deslizamentos de terra, 2 destelhamentos, 2 infiltrações e 10 orientações técnicas. A Codesal informa que permanece de plantão 24 horas, atendendo às solicitações pelo telefone gratuito 199.

Chuva na cidade

Na quinta-feira (6), Salvador teve períodos de chuva e ventos fortes. De quarta para quinta, o volume de chuva na cidade atingiu mais de 40% do esperado para todo o mês de junho. Com o mau tempo, a travessia Salvador-Mar Grande está suspensa desde quarta-feira, devido às más condições de navegação na Baía de Todos-os-Santos. Na quinta, ondas com cerca de 3,5 metros de altura e mar agitado atingiram a área litorânea. Na região da Barra, área turística da capital, quem passava pelo calçadão sentia os respingos de água. Não há registro de destruição no local, mas a água do mar chegou a invadir alguns espaços, como ocorreu em uma área do Yacht Clube da Bahia.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui