Polícia Civil investiga estupro de universitária em Governador Mangabeira

-

Uma jovem com iniciais M. S. C. 21 anos, informou a Polícia Civil que foi violentada por dois homens que pularam o muro de sua residência onde mora, no centro da cidade em Governador Mangabeira, no Recôncavo da Bahia

A vítima disse que o crime ocorreu por volta das 3h da madrugada desta quarta-feria (02), quando estava dormindo sozinha em seu lar, porque segundo ela, sua mãe tinha ido dormir com a sua avô.

Em depoimento à Polícia, a garota informou que estava morando em Salvador onde faz faculdade, mas devido a Pandemia do Covid-19, retornou ao município natal nos últimos dias. A menina disse ainda, que apenas um dos suspeitos armado, o estuprou após amordaça-lá e amarrá-la enquanto o segundo qual também não reconheceu devido o local escuro, apenas observava o comparsa cometer o ato.

Segundo a polícia, os agressores perguntavam sempre se a vítima tinha dinheiro guardado em casa e após o ato liberou a jovem fugindo em seguida.

Investigação:

A Polícia Civil do município em contato com o Voz da Bahia, informou que durante todo dia trabalhou na investigação do caso, ouvindo a vítima; além de ter ido a residência onde colheu material para perícia, como o lençol qual tinha vestígio. Câmeras de segurança de casas de do entorno do local do crime estão sendo analisadas. A jovem que teve a identidade preservada encontra-se abalada emocionalmente, disse a Policial Civil.

Reportagem: Fábio Santos Voz da Bahia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui