SAJ: Coordenador do SAMU esclarece demora nos atendimentos, “tivemos mais de 15 mil trotes em 10 anos”

Foto: Ilustrativa

Após questionamentos sobre demora na chegada do atendimento, o coordenador do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) de Santo Antônio de Jesus, Juarez Meneses, esclareceu a logística do atendimento na cidade.

Em entrevista a Recôncavo FM, Juarez falou que das duas equipes que prestam serviços em Santo Antônio de Jesus e em diversas cidades da região, apenas uma é de resgate, “nós temos duas equipes de suporte básico é exclusiva para Santo Antônio de Jesus, a outra ambulância, é uma unidade de suporte avançada que vai estar cobrindo 15 à 16 cidades da região. Estamos trabalhando, se deus permitir teremos nossa segunda ambulância exclusiva para Santo Antônio de Jesus para melhorar nosso tempo de resposta”, falou.

Sobre o questionamento da população da necessidade de falar com um médico durante a ligação, Juarez afirmou que este médico é responsável pela triagem. Além disto, falou sobre os trotes que impactam negativamente os atendimentos, “tivemos mais de 15 mil trotes nesses últimos 10 anos, esses trotes impactam porque vai tirar o atendimento de uma pessoa que realmente precisa. Existe a triagem com o médico para que a gente possa eliminar essas situações tristes de trote e decidir qual ambulância enviar”, disse.

Redação: Voz da Bahia