SAJ: Trabalhadores do Canal do Mutum alegam está passando dificuldades após salários atrasados

0
243
-
Foto: reprodução/whatsapp

Trabalhadores que serviram na obra do Canal do Mutum em Santo Antônio de Jesus dizem está passando por dificuldades após trabalharem e não receberem pelo serviço. Em entrevista à rádio Andaiá FM um dos representantes do grupo afirmou que estão desde o mês de setembro sem receber, após trabalharem por cerca de oito meses no local. Atualmente a obra está parada, segundo o trabalhador por falta de repasse de recurso para a empresa responsável.

“Trabalhamos por 8 meses, e desde setembro não recebemos.  Nos disseram que o dinheiro já estava na conta e que cabia a prefeitura realizar o repasse. Nos disseram que  estavam sem verba, por conta da falta de repasse. Nós fomos dispensados do serviço e a obra continua parada.  Já entramos em contato com a prefeitura, já que a empresa contratada por ela é de Salvador, mais nada ainda foi resolvido “, contou o homem.

Resposta da prefeitura

A secretária de infraestrutura do município, Sônia Fontes, informou que a prefeitura tem tentado resolver o problema, mas o governo não repassou a verba para que a empresa pudesse dar continuidade ao serviço e pagar os trabalhadores.

“A empresa alegou que não tem fundos para cumprir com suas obrigações trabalhistas. A secretaria e a superintendência de convênios está tentando resolver a situação. Estamos na expectativa da liberação, e assim que a Caixa liberar os recursos o município pagará a empresa. Infelizmente a tramitação é demorada, o que nos resta é esperar”, explicou a secretária.

Redação: Voz da Bahia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui