Últimas Notícias sobre Ciro Gomes (PDT)

Foto: Reprodução / Youtube

O pré-candidato a presidência da República, Ciro Gomes (PDT), voltou a atacar o também presidenciável Sergio Moro (Podemos), nesta quinta-feira (10). Em entrevista ao canal Arte da Guerra, o pedetista rejeitou o termo ‘terceira via’ e ressaltou que não aceita ser comparado com nomes como o do ex-juiz, ao qual chamou de “inimigo da República”.

Foto: Divulgação

O ex-ministro Ciro Gomes (PDT) afirmou ter paciência para transformar a aliança regional firmada com o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PSD), num acordo nacional.

Foto: Reprodução/Facebook

Durante uma entrevista ao apresentador Datena, na TV Bandeirantes, nesta segunda-feira (24), Ciro Gomes (PDT) voltou a atacar o ex-Ministro da Justiça Sergio Moro (Podemos). Após dizer que seria “mais fácil desfritar um ovo” do que o ex-juiz “conseguir provar que não comeu grana”, o pedetista cobrou transparência por parte de Moro no processo que investiga se houve conflito de interesses no contrato entre ele e a empresa Alvarez & Marsal.

Foto: Reprodução / Instagram

O pré-candidato a presidência da República, Ciro Gomes (PDT), voltou a atacar Sergio Moro (Podemos) nas redes sociais, neste domingo (23), após uma reportagem do UOL apontar que a empresa que contratou o ex-juiz, em 2020, a Alvarez & Marsal recebeu ao menos R$ 65,1 milhões de empresas envolvidas na operação Lava Jato.

Deputado federal Félix Mendonça Jr (PDT) / Foto: Divulgação / Arquivo

O deputado federal e presidente do PDT na Bahia, Félix Mendonça Júnior, não demonstrou muita empolgação com a chapa “Cirina”, formada por Ciro Gomes (PDT) e Marina Silva (Rede), que foi anunciada desde a quinta-feira (6) e chegou aos “Trend Topics” (assuntos mais comentados) do Twitter. “Isso é uma simulação que alguém fez, [mas] acho que está muito cedo ainda”, disse Félix Júnior, em conversa com este Política Livre na noite desta sexta-feira (7).

Foto: Divulgação

O agora ex-presidenciável Cabo Daciolo (Brasil 35) anunciou nesta quinta-feira, 16, que não é mais candidato à presidência da República e disse que vai apoiar o pré-candidato Ciro Gomes (PDT), que foi alvo de operação da Polícia Federal (PF) um dia antes, na disputa pelo Palácio do Planalto.

Foto: Ricardo Stuckert/Marcos Corrêa/PR

Pesquisa divulgada pelo site “Poder360” na noite de hoje mostra que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) segue na liderança da corrida eleitoral, para o pleito do ano que vem. O petista também vence todos os candidatos em um eventual segundo turno, variando a sua pontuação entre 47% e 54%. Moro, Ciro e Doria/Leite estão tecnicamente empatados na terceira posição, sempre com Bolsonaro em segundo.

Close