Últimas Notícias sobre ministro da Justiça e da Segurança Pública

Imagem: Reprodução

Jair Bolsonaro disse que as revelações de Sergio Moro em seu pronunciamento de despedida do cargo de ministro da Justiça foram “infundadas”.

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, e o presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf, assinaram nesta segunda-feira (14), em São Paulo, um acordo de cooperação técnica para oferecer capacitação profissional a detentos e para egressos do sistema penitenciário. Por meio desse acordo, a capacitação será feita pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai).

Foto : Fernando Frazão/Agência Brasil

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, declarou que não vê problema com fiscalização de ações policiais. “Não existe nenhum problema com a fiscalização da atuação das forças policiais, sejam elas locais, sejam das forças nacionais”, disse Moro durante entrevista à imprensa em São José dos Pinhais (PR).

Foto: Reprodução/Twitter – @SF_Moro

O popular ministro do governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL), o ex-juiz Sergio Moro ganhará destaque em outubro. Uma campanha de publicidade vai dar visibilidade ao projeto anticrime do ex-chefe da operação Lava Jato. Com informações do Poder 360.

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O trecho do pacote anticrime de Sergio Moro que trata sobre o excludente de ilicitude deve ser derrubado nesta terça-feira (24) pelo grupo de trabalho da Câmara que analisa o projeto do ministro da Justiça. De acordo com a coluna Painel, da Folha de S.Paulo, a proposta de abrandamento da punição e militares que cometam excessos é rejeitada pela maioria dos parlamentares.

Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva / Foto: José Cruz/Agência Brasil

Na petição, a defesa de Lula cita o fato de que o ex-juiz e atual ministro da Justiça, Sérgio Moro, responsável pela primeira condenação de Lula, é objeto de uma ação de suspeição.

Sergio Moro responde a questionamentos na CCJ do Senado, em junho (Pedro França/Ag. Senado)

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, ficará afastado do cargo na próxima semana “para tratar de assuntos particulares”. O período de afastamento do ministro será de 15 a 19 de julho.

© Isaac Amorim/MJSP

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, afirmou, em entrevista ao Correio Braziliense, que não pretende deixar o cargo por causa das mensagens reveladas com procuradores da Lava Jato à época que era o juiz à frente da investigação na primeira instância.

© Reuters

Uma nova leva de supostas conversas envolvendo o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, foi divulgada pela revista Veja nesta sexta-feira, 5, e sugere que, quando ainda atuava como juiz federal em Curitiba, Moro teria orientado procuradores da Operação Lava Jato a anexar provas para fortalecer a parte acusatória num processo.

Sessão foi encerrada por volta das 21h50 (Reprodução/Divulgação)

A sabatina do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, na Câmara dos Deputados foi encerrada por volta das 21h50, após o deputado Glauber Braga (PSOL-RJ) afirmar que “a história não absolverá” Moro, que, segundo ele, será lembrado “como o juiz que se corrompeu, como um juiz ladrão”.

Close