Últimas Notícias sobre Salinas da Margarida

Dois veículos colidiram na BA-001, próximo ao trevo de Salinas da Margarida, na manhã desta segunda-feira (24).

Foto divulgação: Bahia Notícias

O Tribunal do Júri condenou um homem a 51 anos, um mês e 16 dias de prisão em regime fechado pelo estupro e homicídio de uma criança de oito anos no Município de Salinas de Margarida. Ele também foi condenado ao pagamento de 116 dias/multa, à razão de 1/30 do salário-mínimo vigente à época do fato. O homicídio ocorreu no dia 22 de janeiro de 2019, por volta das 18h, no interior da residência da vítima. A acusação foi sustentada no júri pelo promotor de Justiça Lucas da Silva Velloso Santana.

Foto: Reprodução / TV SAJ

As festas e eventos de Réveillon de Salinas da Margarida estão proibidas na cidade. Em comunicado oficial no instagram, a prefeitura informou o cancelamento. Dentre os motivos citados, encontram-se “a nova variante do coronavírus (ômicron) e o aumento de casos na Europa”.

Foto: Hélio Alves/ Tribuna do Recôncavo

Na manhã desta quarta-feira (10) dois corpos foram encontrados na imediação da BA-534 em Jaguaripe.

Foto: Divulgação

Na sessão desta quinta-feira (16/09), realizada por meio eletrônico, os conselheiros do Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia aprovaram com ressalvas as contas da Prefeitura de Salinas da Margarida, de responsabilidade do prefeito Wilson Ribeiro Pedreira, relativas ao exercício de 2019. O conselheiro substituto Ronaldo Sant’Anna, ao concluir seu parecer, aplicou ao prefeito uma multa no valor de R$6 mil pelas ressalvas contidas no relatório técnico.

Uma agência do Banco do Brasil foi explodida por homens armados em Salinas da Margarida, na região do recôncavo, na madrugada desta segunda-feira (6). Não há registro de feridos na ação.

Registro durante visita técnica realizada pela Defensoria à comunidade quilombola de Conceição Salinas em novembro de 2020

Observando recomendação conjunta das Defensorias Públicas do Estado da Bahia e da União, a prefeitura de Salinas da Margarida publicou nota de retratação em seu Diário Oficial e suas redes sociais por publicação anterior em seus canais em que negava reconhecer comunidade quilombola em seu território, ignorando assim a existência do Quilombo de Conceição de Salinas.

Foto: Google Street View

A Prefeitura de Salinas da Margarida publicou, na última quarta-feira (14), uma nota de esclarecimento na qual diz reconhecer a existência da comunidade quilombola Conceição de Salinas. O pronunciamento foi feito após uma publicação nas redes sociais da própria prefeitura, afirmando não reconhecer comunidades quilombolas no território.

Foto: Divulgação / DPU

A prefeitura de Salinas da Margarida, no Recôncavo, foi cobrada pelas defensorias públicas da União e do Estado [DPU e DPE]. Em recomendação conjunta datada desta sexta-feira (26), os órgãos pedem a retirada de uma postagem na qual a prefeitura diz não reconhecer que há comunidades quilombolas no território local. O grupo integra a primeira fase de vacinação contra a Covid-19. A recomendação ainda solicita a retratação da prefeitura, bem como a inclusão dos quilombolas no plano de vacinação e a convocação dos mesmos.

Foto: Divulgação

A Defensoria Pública da União na Bahia (DPU-BA) não constatou indícios de práticas de crimes ambientais promovidos pela Comunidade Pesqueira e Quilombola de Conceição de salinas, em Salinas da Margarida, no recôncavo baiano. O defensor regional Direitos Humanos da DPU, Vladimir Correia, realizou uma visita na comunidade nesta terça-feira (10), com representantes de outras instituições para analisar as denúncias recebidas pela Secretaria de Patrimônio da União (SPU).

Close