Taxista baleado em Salvador foi morto por causa de dívida com outro taxista, diz polícia

0
122
-Foto: Ilustrativa
Foto: Ilustrativa

O taxista de 42 anos baleado no bairro do Campo Grande, em Salvador, foi morto por causa de uma dívida com outro taxista, que é o principal suspeito do crime. A informação foi divulgada pela Polícia Civil nesta quarta-feira (21).

O caso ocorreu no ponto de táxi que fica em frente ao Teatro Castro Alves (TCA), por volta das 18h de terça-feira (20).

- Anúncio -

Alexandro Rocha Souza estava em um táxi que alugava para trabalhar quando um homem chegou, discutiu com a vítima e atirou. Alexandro morreu no local. Já o suspeito fugiu em seguida, no táxi. A polícia não passou detalhes sobre a dívida.

O corpo de Alexandro foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) logo após o crime. No local, a polícia coletou cartuchos de revólver calibre 38, que vão ser periciados. O caso é acompanhado pela Delegacia de Homicídios Baía de Todos-os-Santos (DHBTS).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui