Árbitra tem vídeos íntimos vazados na web: ‘Chorando há dias’

Árbitra italiana teve vídeos íntimos vazados na web (Reprodução/Redes Sociais)

A árbitra italiana Diana Di Meo, de 22 anos, está passando por um momento delicado fora de campo. Ela usou suas redes sociais para contar que teve seu celular invadido, e alguns vídeos íntimos e fotos que tinha no aparelho foram vazados na web sem o seu consentimento.

A juíza denunciou o crime à polícia da região de Pescara, na Itália, e os investigadores já trabalham para identificar o responsável pelo crime virtual. O autor do vazamento das imagens pode ser condenado a uma pena de até seis anos de prisão.

A italiana atua nas divisões inferiores do futebol do seu país, principalmente como banderinha, e também é uma estudante de direito. Segundo o Daily Star, que teve acesso ao boletim de ocorrência, ela não consegue mais ter uma vida social depois disso.

“Eu estou trancada em casa. Eu tenho chorado e vomitado por dois dias”, desabafou a árbitra, segundo relato no inquérito.

Em uma postagem no Instagram, Diana falou sobre o caso. “Esses são vídeos privados e foram roubados de mim. Alguém deve ter conseguido entrar no meu celular. Caso contrário, não tenho ideia de como eles foram roubados”.

“Apresentei queixa e as autoridades cuidarão de tudo. Agradeço a todos os meninos e meninas que estão me escrevendo de toda a Itália. É uma situação que não desejo a ninguém, estou tentando resistir, mas nem todos conseguem. Devemos denunciar esses vídeos e as pessoas que continuam compartilhando essas coisas”, continuou.

A árbitra também falou em ‘revenge porn’ (ou pornô vingança, na tradução) e disse querer “ajudar outras pessoas” que passam por uma situação parecida com a sua.

“Estou aqui para falar sobre isso, não podemos nos esconder. Espero dar voz a todas as vítimas, na realidade o culpado está do outro lado da tela. Hoje a vítima sou eu, amanhã pode ser uma pessoa próxima a que talvez agora esteja assistindo os vídeos e sorrindo”, finalizou. (Correio24)