‘Até com pedido as pessoas polemizam’, diz Tatá sobre críticas ao orar por Paulo Gustavo

Foto: Reprodução / Instagram

Como divulgado, diversos artistas, a exemplo de Tatá Werneck, estão pedindo correntes de oração para o ator e comediante Paulo Gustavo, que foi intubado neste final de semana por complicações da Covid-19 (veja aqui). Contudo, a humorista resolveu rebater alguns seguidores que a criticaram por “supostamente só pedir” por ele.

De início, um escreveu: “Agora eu fico pensando… Tatá e vários outros artistas pedindo orações com hora marcada ao Paulo Gustavo. Por que só pedem oração na mídia quando é para um amigo? Por que como artistas já não fizeram isso para os quase 300 mil mortos? Só o PG que faz as pessoas rirem?”. Ao ver o post, ela respondeu: “Bom, então você não me segue. Eu posto oração nos stories todos os dias. Vai polemizar com por** nenhuma? Não quer ajudar, não atrapalha”.

E seguiu respondendo as críticas. “Amor, existem várias pessoas precisando de oração. Eu acho até falta de respeito que você peça para as pessoas se mobilizarem para orar por um homem que tem acesso ao melhor tratamento médico do país enquanto tem gente morrendo que só recebe uma receita de cloroquina na porta do Hospital”, atacou mais uma. “Agora não posso pedir pelo meu amigo?”, indagou a humorista.

Tatá disse então que irá rezar por todas as vítimas nesta segunda (22) às 20 com o escritor Pedro Siqueira, que costuma fazer rodas de orações nas redes sociais. “Façamos orações por todos! Não só pelo Paulo! Cada um pede por quem quiser Coração vermelho bora lá que hoje vai ser um dia bom e de vitória! (Respeitando a crença de cada um)”. E após novas críticas, finalizou: “Até com pedido de oração as pessoas polemizam 🙂 eu posto orações nos stories todos os dias 🙂 É para rezar para todos”. Confira: