Barreiras homenageia padroeiro São João Batista com a novena

-
Foto: Miriam Hermes/ Agência A Tarde

Padroeiro de Barreiras, São João Batista é homenageado mais uma vez com a novena preparatória e quermesse que desde o dia 14 de junho movimentam as noites da catedral e a praça que leva o nome do santo.

Com o tema “Cristãos leigos e leigas, sujeitos na ‘Igreja em saída’, a serviço do Reino”, a novena, que será encerrada neste domingo, 23, envolve a comunidade católica da diocese São João Batista, com representantes das pastorais e diversos segmentos da sociedade regional.

Entre os religiosos que participaram da programação estão o bispo da diocese de Barra, dom frei Luiz Cappio, e o bispo de Barreiras, dom Josafá Menezes da Silva, que presidiram a primeira e a segunda noite, respectivamente.

Na última noite, a novena será presidida pelo bispo de Patos (MG), dom Eraldo Bispo, que antes da ordenação episcopal atuava como padre na paróquia São João Batista, em Barreiras.

“Todas as noites, depois das rezas na igreja, tem som ao vivo em ritmo de forró na praça. Estou trazendo minha mãe, que precisa de companhia para vir à igreja e ela está amando a animação”, disse a professora Vera Ferraz, 53 anos.

Este ano, existe uma razão a mais para que a festa de São João seja especial, de acordo com o pároco Pedro Felipe, em referência aos 40 anos da criação da diocese de Barreiras, desmembrada em 1979 da diocese de São Francisco das Chagas, de Barra.

No dia 24 de junho, a programação tem início às 8h com missa solene. Às 10h, tem batizados e, às 18h, começa a missa campal em frente à catedral, seguida de procissão pelas ruas do Centro Histórico da cidade.

“Sou devota de São João desde criança. Lembro da minha falecida avó levando a gente para a igreja. Minha mãe fazendo roupas novas e programando as festas juninas, naquele tempo em que a cidade era muito menor e tudo bem diferente de hoje”, afirmou a comerciária Janete Paiva.

Ela diz que a melhor época do ano é o mês de junho, “porque minha família mantém a tradição à risca e todos meus irmãos se encontram na chácara dos meus avós. Começamos com a reza ao nosso santo padroeiro, seguida de festa com tudo que temos direito. Bom demais!”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui