Bolsonarista Luciano Hang recupera conta no Twitter após 3 dias suspenso

Plataforma afirma que contas banidas podem pedir revisão da decisão / Foto: Fátima Meira/Estadão/Arquivo

O empresário bolsonarista Luciano Hang voltou a ter acesso a sua conta no Twitter após ter sido suspenso na quarta (12). O dono das Lojas Havan tuitou neste sábado (15), às 14h19: “Estou de volta no Twitter!”.

Hang, que é próximo do presidente Jair Bolsonaro (PL), havia compartilhado um vídeo contrário à vacinação de crianças contra a Covid-19. Desde quarta, quem acessava o perfil do bolsonarista se deparava com um aviso de que a conta estava suspensa por ter violado regras da plataforma.

Na ocasião, o Twitter afirmou, via assessoria de imprensa, que baniu Hang porque “a ordem judicial que requer seu bloqueio na plataforma segue em vigor”.

Procurada pela Folha neste sábado, a assessoria do Twitter informou que “pessoas que tiveram suas contas suspensas podem pedir uma revisão em relação a ações tomadas sobre seus perfis”. “Está prevista nas regras a possibilidade de que, após o processo de recurso, se conquiste o direito de voltar a operar contas anteriormente suspensas na plataforma”, completa.

A assessoria de Hang afirmou que a suspensão violava sua liberdade de expressão.

“Estamos vivendo momentos estranhos na sociedade, em que você não pode ter liberdade de pensamento e expressão. Um absurdo! Não é possível que se tenha uma única verdade e que você não pode questioná-la. Agora não podemos mais compartilhar informações para as pessoas tomarem suas próprias decisões?”, indagou.