C. da Feira: Suspeito de matar policial em Salvador morre em confronto com a PM

-
Foto: Polícia

Uma operação da Polícia Militar através da companhia de Rondas Especiais (Rondesp) na tarde de terça-feira (3), resultou na morte deArnaldo Batista Souza, suspeito de tráfico de drogas e homicídios em Salvador. A operação policial contou com a participação de guarnições da 27ª CIPM, 66ª CIPM e Rondesp Leste na cidade de Conceição da Feira, no Recôncavo da Bahia.

Dupla identidade:

Arnaldo era conhecido também como Rafael. O suspeito utilizava nomes falsos para confundir a Polícia. Apelidado de “Sabão”, o suspeito de 34 anos, reagiu a ação da polícia, na rodovia estadual 502, imediações de Cachoeira e Conceição da Feira.

Acusado de chefiar tráfico:

Conforme a PM, ‘Sabão’ era apontando como líder do tráfico no bairro da Engomadeira, na capital baiana onde estava conduzindo um carro, modelo Fox, e no interior do veículo foi encontrado uma pistola 9mm e drogas.

Morte de policial:

Arnaldo Batista Souza no ano de 2008, na época com 23 anos, foi apresentado como principal acusado de ter assassinado o sargento Teófilo Santos Matos, 44 anos, no dia 10 de maio de 2008, na Engomadeira. Souza confessou ter participação em outros três homicídios.

Cachoeira:

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu em 2018 o acusado de tráfico de homicídios após blitiz na BR 101, trecho de Cachoeira com arma e drogas. Na ocasião uma dançarina de banda de pagode estava com ele no veículo interceptado pela Polícia. Ela chegou a ser conduzida mas foi liberada em seguida. Arnaldo permaneceu preso, mas meses após ganhou a liberdade.

Reportagem: Fábio Santos/ Voz da Bahia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui