Cantor santoantoniense Netinho deve se filiar ao PL para disputar eleições de 2022

Foto: Reprodução/Twitter

Convertido ao bolsonarismo, o cantor Netinho deve se filiar ao PL para concorrer a uma vaga na Câmara dos Deputados pela Bahia nas eleições de 2022. O presidente Jair Bolsonaro oficializou a entrada no partido durante evento na terça-feira (30) (veja aqui).

“O próprio presidente Valdemar [Costa Neto] me apresentou Netinho e me disse que ele quer entrar no PL para ser candidato. Marquei com ele em Salvador para ele se filiar”, revelou José Carlos Araújo, que chefia a legenda no estado, ao Bahia Notícias.

O cantor é um dos apoiadores mais notórios do presidente da República no estado. Em julho de 2020, um encontro entre o artista e Bolsonaro no Palácio da Alvorada foi bastante criticado. Na ocasião, em um dos momentos mais graves da pandemia, o chefe do Executivo fez defesa do vermífugo nitazixanida, conhecido como Annita, como tratamento da Covid-19, oração do Pai Nosso e puxou a música “Milla”, do cantor e apoiador do presidente, Netinho. Ao lado do presidente, o próprio Netinho deu voz original à canção.

Já em julho deste ano, ele foi convidado pela deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP) a se candidatar, mas teria negado o convite. A reportagem tentou entrar em contato com o cantor, mas não obteve retorno.

POSSÍVEIS FILIAÇÕES

Além de Netinho, outros nomes fortes do bolsonarismo da Bahia podem aportar no PL. Vereador de Salvador, Alexandre Aleluia (DEM/UB) é um deles. O edil, que é cotado para disputar uma cadeira na Câmara, e o seu pai, o ex-deputado federal José Carlos Aleluia, estiveram presentes no evento de filiação de Bolsonaro e ainda tiraram uma foto com Valdemar da Costa Neto.

Quem também marcou presença no ato foi a deputada estadual Talita Oliveira (PSL/UB). Embora inda não tenha sinalizado, a saída dela do PSL é dada como certa nos bastidores.