Colisão entre dois trens deixa mais de 30 mortos no Paquistão

Foto: Ap Photo

A colisão entre dois trens expressos no sul do Paquistão, na manhã desta segunda-feira (7), deixou pelo menos 35 passageiros mortos, informou Azam Swati, ministro de Ferrovias do país, à agência de notícias Associated Press.

Swati declarou que está a caminho do distrito de Ghotki, na província de Sindh, onde aconteceu o acidente, e que neste momento ainda não se sabe o que causou a colisão, mas que todos os cenários estão sendo analisados.

Segundo Umar Tufail, chefe da polícia do distrito de Ghotki, as autoridades estão trabalhando para conseguir máquinas para ajudar no resgate das pessoas presas nos vagões. “No momento, o desafio para nós é resgatar rapidamente os passageiros que ainda estão nos destroços”, diz Tufail.

Funcionários da ferrovia afirmam que por volta de 1.100 passageiros estavam a bordo.

Em uma rede social, o primeiro-ministro do Paquistão, Imram Khan, escreveu estar “chocado” com a “terrível tragédia” em Ghotki. Ele afirmou ainda que ordenou a ida do ministro de Ferrovias ao local para garantir a assistência aos feridos e que vai solicitar uma investigação. (Fonte: G1)