Dois milhões de máscaras são distribuídas a colégios estaduais da Bahia

Cerca de dois milhões de máscaras de prooteção facial foram distribuídas entre escolas da rede estadual da Bahia para serem entregues aos estudantes. A ação antecede o retorno das aulas semipresenciais, que acontece neste segunda-feira, 26, para o Ensino Médio, e no dia 9 de agosto para o Ensino Fundamental.

As máscaras foram adquiridas em parceria com a Secretaria de Planejamento do Estado (SEPLAN) e mais 1,8 milhão de máscaras serão adquiridas, com o investimento de R$ 5,1 milhões para ampliar a distribuição por aluno.

Segundo o superintendente de Planejamento Operacional da Rede Escolar, Manoel Calazans, além das máscaras, as escolas estaduais receberam recursos para a compra de materiais e adequação aos protocolos sanitários estabelecidos. 

“As escolas estaduais receberam equipamentos de biossegurança com destaque para as máscaras que, após a pandemia da Covid-19, tornou-se de uso obrigatório no convívio social. As merendeiras e equipes de apoio também receberam Equipamentos de Proteção Individual (EPIs). A palavra de ordem é reforçar a higienização de todos os espaços”, afirmou.

Para esta nova fase, as salas deverão ter 50% de ocupação da capacidade por aula. Cada turma de estudantes será dividida em duas. Uma turma de A a I, na primeira semana. A outra turma de J a Z, na segunda semana e, depois disso, haverá alternância dos dias para os alunos. 

A unidade escolar poderá fazer o ajuste relacionado a esta escala conforme a realidade de cada turma e em função de outro critério que a unidade escolar considere relevante. As aulas do Fundamental nas diferentes modalidades e ofertas serão iniciadas no dia 9 de agosto.