Em vídeo, segurança demitido por receber gorjeta de MC Poze explica ocorrido: “R$ 100 pra eu tomar um café”

Depois de ter sido demitido por receber gorjeta de MC Poze, o ex-segurança do condomínio do cantor, Bernardo Henrique, decidiu dar detalhes da sua demissão. Em seu perfil oficial do Instagram, o vigilante negou que tenha descumprido as regras de empresa.

“Eu entrei na empresa no dia 22 de dezembro e foi explicado que não pode pedir nada aos moradores, nem se quer um copo d’água. Concordo e assim eu fiz. Só que ontem, MC Poze chegando do show, encostou o carro do meu lado e me deu R$ 100 pra eu tomar um café. Eu aceitei e agradeci”, contou.

O segurança, que depois da demissão recebeu R$ 20 mil do cantor, revelou que acabou sendo mandado embora por não devolver o valor recebido, pois já tinha gastado. “O dono da empresa publicou o vídeo o grupo da empresa e perguntou quem era. Falei sobre o caso com meu supervisor, o que tinha acontecido. Meu supervisor tentou conversar com o dono da empresa, mas não teve muito diálogo. Fui até o grupo e me acusei… Ele mandou eu devolver o dinheiro, disse que não tinha mais e me demitiu”, contou Bernado que agradeceu ao rapper pela ajuda financeira.

Também através das redes sociais, o Grupo Lothar emitiu nota de esclarecimento e negou que a demissão tenha ocorrido pelo fato do segurança ter recebido a gorjeta. “Respeitamos os direitos humanos e tratamos as pessoas com igualdade e respeito, pois acreditamos que essa é a base que nos impulsiona à garantia da busca contínua de excelência, pela qual já somos reconhecidos tanto por clientes e parceiros, como por colaboradores”.

Fonte Bocão News