Ex-namorada e assessora de Nego do Borel relembra ter sido agredida por ele

-
Ex-namorada e assessora de Nego do Borel relembra ter sido agredida por ele

As polêmicas envolvendo Nego de Borel ganharam mais um capítulo. Quem se pronunciou dessa vez foi Swellen Sauer, que foi assessora e namorada do cantor. Através das redes sociais, ela se solidarizou com Duda Reis e contou uma suposta agressão que ele teria cometido. As informações são da Quem.

No relato, ela fala de um soco na costela sofrido em uma boate no Rio de Janeiro durante uma gravação com MC Tikão, além de diversas críticas que sofria pelo cantor. “O primeiro DVD dele, eu produzi e dirigi praticamente sozinha e recém operada. Eu subia o Borel com dreno no peito. E uma vez ele me deu carona até a Barra e tive que pular correndo pro volante porque ele não tinha carteira e tinha uma blitz em frente ao Downtown. Nem obrigado ouvi. Ele criticava meu corpo quando eu levantava da cama pra ir ao banheiro. ‘Olha a bunda dela!’ Ele quebrava coisas quando ficava nervoso. Isso não era só comigo. Era com a mãe também. Quando terminamos, ele me ligava pra falar mal da amante que tinha virado oficial”, relatou Swellen.

Ela também cita que as agressões não aconteciam somente com as namoradas, mas também com mulheres da família de Nego. “Leno, pede desculpas! Começa pela sua mãe, tia, avó… depois pela Alana, por mim, a amante, Julia e por último, a essa menina que você conheceu tão novinha, mas que como muitas de nós, precisou aprender cedo que a vida não é um morango com mel”, disse, em referência a Duda Reis.

Swellen e Nego do Borel viveram um relacionamento de dois anos. (Ibahia)