Feira de Santana: Mecânico é assassinado a tiros no bairro Sítio Matias

0
181
-
Foto: Aldo Matos/Acorda Cidade

Edilton Souza Silva, de 24 anos, foi assassinado a tiros por volta das 10h30 desta sexta-feira (8), na 1ª Travessa Várzea Alegre, no bairro Sítio Matias em Feira de Santana.

Ele morava na mesma travessa onde o crime ocorreu e, segundo informações chegadas a polícia, Edilton estava trabalhando em sua oficina de motos quando foi atingido por tiros disparados por um homem que estava em uma moto preta.

- Anúncio -

O sargento da Polícia Militar (PM), Luis Carlos afirmou que até o momento não há informações sobre a autoria e motivação do crime. “No local do homicídio sempre prevalece a lei do silêncio, infelizmente as pessoas não falam muito”, disse.

O delegado Luís Smylov relatou em entrevista ao Acorda Cidade que, conforme apurações no local, o muro da oficina de Edilton foi pichado recentemente com as letras N e C que correspondem as iniciais de uma nova facção criminosa que surgiu em Feira de Santana. A facção é identificada como “Novo Comando”. A vítima teria apagado a pichação com uma nova pintura no muro e a polícia investiga se esse fato tem relação com o crime.

“Familiares disseram que ele era trabalhador e que nunca foi preso. Isso só vamos saber quando puxarmos a ficha dele. Temos essa informação da pichação e as investigações vão dizer se foi esse motivo do assassinato ou não”, acrescentou.

O delegado juntamente com peritos do Departamento de Polícia Técnica (DPT) efetuaram o levantamento cadavérico. A guarnição 6572 da 65ª Companhia Independente de Polícia Militar (65ª CIPM) sob o comando do Sgto Luis Carlos preservou o local do crime.

Com informações do repórter Aldo Matos do Acorda Cidade. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui