Garoto de S. A. de Jesus segue internado em Salvador e necessita da doação de sangue para realizar cirurgia na cabeça

Foto: Voz da Bahia

O santoantoniense Cauã Figueiredo, adolescente de 13 anos, há 30 dias foi diagnosticado com um tumor no cérebro após frequentes dores de cabeça.

Em entrevista ao Voz da Bahia, o pai do adolescente, Cláudio Arsênio fomentou uma campanha de doação de sangue, devido aos procedimentos que o filho irá realizar. Entretanto, devido a baixa de sangue do Hospital Roberto Santos em Salvador, Arsênio pediu para que a população doasse todo tipo de sangue, não somente o tipo do seu filho, o B-, “ele começou sentindo dores de cabeça e vômitos, levamos para fazer uma ressonância e lá foi constatado esse tumor. De lá para cá, encaminhou nós fomos ao Hospital Roberto Santos em Salvador, encontramos aqui aguardando para começar a abordagem do tumor. Ele fez um procedimento assim que nós chegamos, colocando uma válvula na cabeça. Ele está bem, graças a Deus o tumor é benigno. Estamos aqui pedindo forças a Deus, estamos pedindo qualquer tipo de sangue, o sangue do meu filho é B-, mas pelo o que o médico me contou o O- também pode ser usado. Estamos fazendo essa corrente, porque o hospital está sem sangue, queremos ajudar os outros também”, contou.

No hospital, Cauã aproveitou a entrevista ao Voz da Bahia e agradeceu as pessoas que fizerem a doação e disse como se sente após os primeiros procedimentos, “estou aqui de boa, Deus é grande, minha dor de cabeça melhorou não estou sentindo mais nada. Estamos orando todos os dias. Quero agradecer a todos que fizerem essa boa ação para comigo, que Deus os abençoe”, concluiu.

Para aqueles que querem doar, devem acessar o formulário de agendamento do Hemoba. Ou entrar em contato pelo (75) 3631 5191.

Reportagem: Voz da Bahia