Globo investiga se jornalistas possuem empresas fora da emissora, diz colunista

0
169
-Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A demissão de Mauro Naves ainda repercute muito dentro da Globo. A emissora, segundo o colunista Ricardo Feltrin, está convidando vários funcionários dos departamentos de Jornalismo e Esportes para conversas. A intenção é saber se alguém tem empresa fora da emissora, se é sócio de algum estabelecimento, mesmo que com parentes ou amigos.

O colunista do UOL afirma que, no entanto, nenhum jornalista da Globo será demitido por ter uma empresa ou ser sócio de alguém. A intenção é revelar os casos para evitar novos conflitos de interesse. Um dos motivos alegados para a demissão de Mauro Naves foi que ele não tinha contado à Globo que era sócio do primeiro advogado de Najila Trindade e que facilitou o contato dele com o pai de Neymar no caso do suposto estupro denunciado pela modelo.

A Globo também monitora as redes sociais de seus funcionários.Recentemente, Dony De Nuccio, âncora do Jornal Hoje, foi advertido por violar o código de ética da emissora. Ele estrelou um material de didático de um banco há um ano sem avisar os superiores. (Isto é)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui