Homem é condenado à morte após atear fogo em influencer ao vivo

Foto: Solen Feyissa/Unsplash

Após encharcar de gasolina e atear fogo na ex-esposa enquanto ela fazia uma transmissão ao vivo para seus mais de 30 mil seguidores, um homem foi condenado à morte na China. 

Amuchu, a influencer tibetana assassinada aos 30 anos postava vídeos do seu dia a dia no país na rede social Douyin, equivalente ao TikTok chinês. Ela havia se divorciado dele três meses antes do ocorrido.

O crime aconteceu em setembro do ano passado, mas a decisão foi dada na quinta-feira (14). Ela não resistiu aos graves ferimentos e morreu duas semanas depois do acorrido. (bahia.ba)