HRSAJ reforça cuidados e prevenção de queimaduras durante campanha Junho Laranja

Foto: Divulgação

O Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus (HRSAJ) enfatiza, durante este mês, a prevenção e tratamento de queimaduras através da adesão à campanha Junho Laranja, promovida pela Sociedade Brasileira de Queimaduras (SBQ).
Com o tema ‘Álcool e fogo, mantenha o distanciamento’, devido à Pandemia de Covid-19, a SBQ chama atenção para o uso cauteloso da substância, uma vez que o álcool 70% auxilia na higiene das mãos, sendo capaz de matar o SARS-CoV-2, mas também pode causar queimaduras, se manipulado perto do fogo ou calor.
Durante toda a campanha, equipes multiprofissionais do HRSAJ promovem salas de espera e ações educativas para pacientes sobre a temática. “A manipulação do álcool em locais próximos a fontes térmicas, como churrasqueira, fogão ou cigarro facilita a combustão do produto e consequentemente a ocorrência de queimaduras”, alerta o cirurgião plástico integrante da Unidade de Terapia de Queimados (UTQ) do HRSAJ, Paulo Plessim Filho.
Conforme o Ministério da Saúde, queimaduras são feridas traumáticas causadas, na maioria das vezes, por agentes térmicos, químicos, elétricos ou radioativos. Estas feridas atuam nos tecidos de revestimento do corpo humano, determinando destruição parcial ou total da pele e seus anexos, podendo atingir camadas mais profundas, como tecido celular subcutâneo, músculos, tendões e ossos.
As queimaduras são classificadas em três graus, de acordo com a sua profundidade e tamanho, sendo geralmente mensuradas pelo percentual da superfície corporal acometida. Evitar o uso de álcool líquido para acender fogo, proteger tomadas, desligar eletrodomésticos, além de cautela com panelas quentes e manter as crianças longe da cozinha são algumas das recomendações para evitar queimaduras no dia-a-dia.
Unidade de Tratamento de Queimados (UTQ)
Uma das referências estaduais, o HRSAJ dispõe de uma Unidade de Tratamento de Queimados desde 2011. A unidade é composta por equipe multiprofissional como médicos, enfermeiros, cirurgiões plásticos, assistente social, fisioterapeutas, psicólogos e nutricionistas -, profissionais que buscam humanizar a permanência do paciente e otimizar o tempo de internação.
O HRSAJ ainda dispõe de alta tecnologia como curativos de ponta e alta precisão, material para enxerto de pele, equipamento dermato elétrico e expansor de tecidos. Também são disponibilizados, para os pacientes, 21 leitos de internação, sala de curativo, sala de balneoterapia, além de brinquedoteca e área de recreação.