Jéssica “Bate-Estaca” é nocauteada em 42s e perde cinturão do UFC

-
Brasileira Jéssica "Bate-Estaca" não conseguiu superar a chinesa Weili Zhang. Foto: STR / AFP

O cinturão do peso palha (até 52kg) não pertence mais a Jéssica Andrade. Neste sábado (31), na luta principal do UFC Shenzhen, na China, a brasileira foi nocauteada em apenas 42 segundos por Weili Zhang, atleta da casa, e perdeu o seu reinado na categoria que durava desde maio deste ano.

Zhang, por sua vez, se tornou a primeira lutadora da história da China a ser campeã do UFC e ampliou para 20 o número de vitórias seguidas. Antes da luta, a chinesa era apenas a sexta do ranking do Ultimate e surpreendeu com agressividade e técnica.

Jéssica Andrade reconheceu o desempenho superior da adversária, e, sem perder tempo, pediu revanche. “Não lutei como queria hoje, mas ficaria muito feliz se ela me desse a revanche. Pode ser na China, no Brasil, nos EUA, que vou estar muito feliz. Cada luta é uma luta, esse é meu estilo, infelizmente não foi meu dia”, lamentou “Bate-Estaca”, como é conhecida.

Zhang surpreendeu e atropelou a brasileira. Ela acertou um duro golpe de direita, que deixou Jéssica atordoada e a fez buscar o clinch. Na sequência, aplicou uma série de golpes na curta distância até derrubar a brasileira e obrigar o árbitro a interromper o combate aos 42 segundos do primeiro assalto. 

“Quero muito agradecer ao meu país. Da última vez que estive aqui eu me comprometi a ser a primeira campeã chinesa do UFC e agora eu consegui”, celebrou a nova detentora do cinturão do peso palha.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui