Mais da metade dos shih tzu resgatados pela PRF não resistiram aos maus-tratos

Foto : Divulgação / PRF

Dos 66 filhotes da raça shih tzu resgatados em condições de maus tratos pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) no último dia 29 (clique e veja), pelo menos 36 morreram, sendo oito novas mortes só nas últimas 48 horas. As informações são do Instituto Patruska Barreiro, que tem a tutela dos filhotes.

Quatro animais morreram na mão de comerciantes, dois morreram internados em Itaberaba, sete em Juazeiro e 15 em Salvador. Outros nove animais não foram localizados para resgate, enquanto o restante continua internado em tratamento na capital.

Segundo o jornal Correio, Patruska Barreiro, responsável pela instituição que leva seu nome, afirmou que é provável que os nove cães que não foram encontrados também já tenham falecido.

A mesma rota pode estar sendo usada para venda ilegal de outros animais. Na última semana, mais quatro shih tzus foram resgatados na cidade de Feira de Santana. (Metro1)