Mais de 1,6 mil crianças migrantes morreram ou desapareceram em 5 anos

Foto : Antonio Cruz/Agência Brasil

Mais de 1,6 mil crianças migrantes morreram ou desapareceram entre 2014 e 2018, tentando chegar ou sozinhas ou com suas famílias a um lugar seguro. As informações foram divulgadas hoje (28) pela Organização Internacional das Migrações (OIM).

As crianças são parte de um grupo de 32 mil migrantes mortos ou desaparecidos no mesmo período, mas a OIM alerta que os dados podem estar incompletos e o número real de vítimas seja muito maior, especialmente a respeito de menores de idade, já que os casos são menos relatados do que adultos. (Metro1)

google news