Ministério Público de Contas apura verba para divulgação de ‘atendimento precoce’

Foto: Divulgação

O Ministério Público de Contas, que atua perante o Tribunal de Contas da União (TCU), quer que o governo federal esclareça qual fonte de recurso usada para pagar a campanha de publicidade para divulgar ‘atendimento precoce’ contra a covid-19.

O pedido foi assinado pelo subprocurador-geral do MP de Contas, Lucas Furtado e precisa ser deferido pelo TCU, órgão de controle externo do governo federal. A informação foi divulgada pelo portal Uol, na coluna Juliana Dal Piva.

O subprocurador-geral pediu ainda que o TCU determine que o governo federal “suspenda imediatamente a realização de despesas para a divulgação acima referida junto a influenciadores na internet ou em qualquer outro meio de comunicação”. (Metro1)

  • TAGS