Moraes suspende pedido de Aécio para adiar depoimento em inquérito sobre obras em MG

Foto: Marri Nogueira/ Agência Senado

O ministro Alexandre de Moraes, do STF (Supremo Tribunal Federal), suspendeu o pedido de adiamento do depoimento do deputado Aécio Neves (PSDB) à Polícia Federal. A decisão atendeu a um pedido do MP-MG (Ministério Público de Minas Gerais) e diz respeito ao inquérito no qual Aécio é investigado por irregularidades na construção da Cidade Administrativa, na época em que era governador de Minas.

Além de Aécio, outros 11 foram indiciados. O depoimento estava previsto para o último dia 12. Aécio nega envolvimento nas irregularidades.

Segundo o portal G1, Alexandre de Moraes determinou que o parlamentar só seja ouvido após o acesso integral da defesa às declarações de delatores que foram usadas para indiciá-lo. As delações no inquérito foram feitas por diretores das construtoras OAS e Santa Bárbara Engenharia.

Em nota, a defesa de Aécio Neves informou que “o pedido para ser ouvido no inquérito partiu do próprio deputado, interessado em prestar todos os esclarecimentos sobre o tema”. (Bahia.Ba)