Moro avisa a aliados que deixará governo se perder Segurança Pública

-
Foto : Marcos Corrêa/PR

Chateado com o presidente Jair Bolsonaro, o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, avalia deixar o governo caso as pasta que comanda seja desmembrada.

Ontem (23), Bolsonaro declarou que avalia a recriação do Ministério da Segurança Pública após reunião com secretários estaduais da área. Aliados de Moro ouviram do ministro que não houve contato dele com Bolsonaro na quinta-feira.

A informação foi divulgada pelo jornal Folha de S. Paulo. De acordo com a coluna Painel, na polícia, a história é tratada como um balão de ensaio.

O episódio é mais um da série de atritos entre Bolsonaro e Moro. Tida como principal vitrine do ministro, a redução de homicídios, por exemplo, que foi iniciada no governo de Michel Temer (MDB), sairia da alçada do ex-juiz federal e passaria para a pasta da Segurança Pública. 

(Metro1)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui