MP pede que TCU apure gastos da viagem de secretário Mario Frias a Nova York

Foto: Marcello Casal Jr. / Agência Brasil

O Ministério Público junto ao Tribunal de Contas de União (TCU) pediu nesta sexta (11) que a corte apure os gastos da viagem oficial do secretário especial de Cultura do governo federal, Mario Frias, a Nova York.

A viagem entre os dias 15 e 18 de dezembro do ano passado custou R$ 39 mil aos cofres públicos, segundo informações do Portal da Transparência. Ele foi acompanhado do Secretário Especial Adjunto da Cultura, Hélio Ferraz.

O subprocurador-geral do MP junto ao TCU, Lucas Rocha Furtado, afirma que caso a auditoria comprove a suposta irregularidade, o tribunal abra Tomada de Contas Especial (TCE) para identificar o tamanho do dano ao erário e os agentes envolvidos, que podem ser punidos desde o ressarcimento aos cofres públicos a até pagamento de multa e inabilitação para cargos públicos. (Metro1)