Paciente com coronavírus é preso após tossir de propósito em faxineira; profissional também relatou assédio

-
Foto: Jornal Subrayado

Um dos pacientes da Covid-19 foi detido pela polícia do Uruguai nesta terça-feira (7/4) após tossir no rosto de uma profissional de limpeza de propósito, segundo o site uruguaio A Plateia. Além disso, ele assediou a profissional e tentou abraçá-la. 

O paciente tem 73 anos e tentou se aproveitar da faxineira enquanto ela limpava seu leito, no último domingo (5/4), no Hospital de Riviera. De acordo com o jornal local Subrayado, o idoso teria dito para a auxiliar de limpeza “quão bonita você é”, enquanto levantava e a abraçava.

Como a mulher o empurrou, o homem tossiu deliberadamente no rosto dela, a cerca de 50 centímetros de distância. A funcionária, que estava de máscara e luvas, foi direto à emergência do hospital, onde relatou o caso e fez o exame para saber se contraiu o novo coronavírus. 

Ainda não há informação se o teste foi positivo. O estado de saúde do idoso não foi divulgado, mas ele está em custódia policial dentro do hospital. (Aratu)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui