PRF resgata cachorro vítima de maus-tratos transportado no porta-malas de carro na BR-116

0
239
-
Foto: Divulgação/PRF

Na manhã de sexta-feira (23), policiais rodoviários federais faziam fiscalização na altura do quilômetro 399 da BR 116, trecho de Feira de Santana (BA), quando decidiram abordar um veículo GM/ Corsa Hatch com placas de Salvador (BA).

Em seguida, os agentes realizaram os procedimentos de fiscalização e após uma revista minuciosa no automóvel encontraram no porta-malas um cachorro em situação flagrante de maus-tratos. Aprisionado em ambiente escuro, sem ventilação, exposto a temperatura elevada e bem debilitado.

- Anúncio -

O animal da raça pitbull também estava com as orelhas mutiladas e com curativo, após ter sido vítima de procedimento cirúrgico, proibido por norma federal.

Dada às circunstâncias e após identificação do responsável, foi lavrado o Termo Circunstanciado de Ocorrência e o motorista de 22 anos de idade, responderá na Justiça por crime contra o meio ambiente previsto no artigo 32 da Lei 9.605/98.

Além do crime ambiental contra animais, o condutor foi autuado por infrações do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), por dirigir sem possuir CNH e o carro com licenciamento atrasado. O veículo foi recolhido ao pátio da PRF.

A prática de cortar orelhas e rabo de cães é considerada crime ambiental. Vale ressaltar que as orelhas grandes protegem os ouvidos da entrada de objetos indesejáveis, bem como de insetos e da entrada de água. O rabo é fundamental para o equilíbrio dos animais.

A PRF alerta que as denúncias nas rodovias podem ser realizadas através do telefone 191, que funciona em todo o Brasil. A ligação é gratuita e não é preciso se identificar. (Acorda Cidade)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui