Rui não apoia impeachment de Bolsonaro: ‘Muita gente acreditou na mamadeira de pênis’

0
145
-
Foto : Carol Garcia/GOVBA

O governador Rui Costa (PT) prometeu que não vai apoiar o impeachment do presidente Jair Bolsonaro (PSL), medida que chegou a ser ventilada por integrantes do Congresso Nacional por conta da crise no governo. Questionado sobre a possibilidade hoje (20) em um almoço com jornalistas na governadoria, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), o petista disse que não é necessário utilizar a mesma medida realizada no impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT), em 2016. “Não sou eu que vou puxar a fila do impeachment. Não é dando troco que vamos construir democracia. Assim como Dilma foi eleita democraticamente”, disse Rui. 

“Você pode dizer que muita gente acreditou em fake news e votou nele. Muita gente acreditou na mamadeira do pênis e votou nele. Foi um aprendizado. Não vou rasgar eleição. A situação é temerária”, acrescentou o governador. 

Rui comentou os primeiros passos do governo Bolsonaro e criticou a falta de propostas para trazer o país de volta aos trilhos. “É um governo de agenda única da reforma da Previdência. Eu não acredito no poder milagroso da reforma da Previdência. Ela é importante, eu fiz vários itens aqui na Bahia, mas não é agenda única. Não vai ter reação econômica com reforma da Previdência. Só vamos crescer com previsibilidade econômica”, finalizou.

Metro1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui