SAJ: Defensor Público Federal fala sobre assessoria da União às vítimas e herdeiros da tragédia 11 de dezembro

Nesta quinta-feira (27), o defensor público da união, Murilo Ribeiro Martins, falou sobre novidades sobre o andamento do caso da explosão da fábrica de fogos em 11 de dezembro de 1998.

Em entrevista a Andaiá FM, Murilo comentou que a União enviará a defensoria para realizar a assessoria para o cumprimento da sentença dada pela corte Interamericana de Direitos Humanos, que condenou o Brasil pelas mortes e violações de direitos humanos na explosão. Segundo o defensor, O inicio das atividades terão inicio a partir do dia 31 de janeiro, entretanto, nesta sexta-feira (28) será realiza uma cerimonia de abertura.

O defensor falou também sobre o atendimento das pessoas que são herdeiros das vítimas da explosão, os quais herdarão o processo de reparação.

Redação: Voz da Bahia