Salvador contabiliza cerca de 10 pedidos de resgate de animais silvestres por dia

-Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Cerca de 10 pedidos de resgate de animais silvestres são registrados em média por dia na capital baiana. Segundo o G1, a maioria dos animais resgatados são répteis, principalmente serpentes, jiboias e sucuris. O resgate desses animais é geralmente feito  pelo Grupo Especial de Proteção Ambiental (Gepa) da Guarda Civil Municipal e pela Companhia de Polícia de Proteção Ambiental (Coppa) da Polícia Militar, conforme reportagem do G1. Mas, o serviço de recolhimento deixou de ser prestado pelo Gepa há cerca de um mês, sob justificativa de que a segurança pública tem exigido maior atenção dos agentes. Ainda segundo o G1, atualmente o grupo contra com 59 homens, que atuam apenas na proteção do Parque da Cidade. A suspensão do recolhimento tem despertado preocupação dos moradores das áreas de maior incidência de aparecimento dos animais, como Pituaçu, Paralela, Cajazeiras, Itapuã, Imbuí e Pituba. (Bahia Notícias)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui