Se James Bond é o agente 007, quem são os outros 00?

No universo criado pelo escritor Ian Fleming, a seção 00 do serviço de inteligência britânica (o MI6) é reservada a agentes com “licença para matar” – distinção que não existe na vida real; no mundo Bond ela é conquistada após o espião executar duas mortes a serviço do país (daí os dois zeros).

Depois de Bond, o 00 mais famoso é, sem dúvida, Alec Trevelyan, o 006, interpretado por Sean Bean o vilão de 007 Contra GoldenEye (1995), primeiro filme de Pierce Brosnan no papel principal. Mas ele é exceção: tanto nos livros de Fleming quanto na franquia cinematográfica, a participação dos 00 se resume a pequenas pontas – ou meras menções.

O 001, por exemplo, nunca foi mencionado em nenhum filme (veja lista completa abaixo). Mas é citado em Doubleshot, obra de Raymond Benson, um dos autores com permissão para escrever histórias do 007 após a morte de Fleming.

A primeira vez que os 00 coadjuvantes apareceram no cinema foi em 007 contra a Chantagem Atômica (1965). Nove agentes (Bond incluso) participam de uma reunião com o chefe M, na qual descobrem que a organização criminosa SPECTRE roubou duas bombas nucleares. Mesmo com o mundo em perigo, os outros 00 não abrem a boca durante a cena:

Vamos a cada um deles:

  • 001 – Nunca foi mencionado em nenhum filme. Citado no livro Doubleshot (2000).
  • 002 – É mencionado pela personagem Eve Moneypenny em 007 contra o Homem com a Pistola de Ouro (1974). Ela até o chama pelo nome: Bill Fairbanks. Mas o agente não aparece em cena. Em 007 – Marcado para para a Morte (1987), 002 é um dos agentes mortos durante uma missão em Gibraltar, sul da Espanha.
  • 003 – Aparece brevemente (e já morto também) na sequência de abertura de 007 – Na Mira Dos Assassinos (1985).
  • 004 – Junto com 002, é um três agentes enviados a Gibraltar no filme Marcado para a Morte. O outro é 007 – o único sobrevivente da missão.
  • 005 – Aparece apenas na reunião dos agentes 00 em Chantagem Atômica (1965).
  • 006 – Alec Trevelyan. Depois de fingir sua morte, ele adota o codinome Janus e funda uma organização criminosa russa.
  • 007 – Com a aposentadoria de James Bond, a agente Nomi assumiu o posto de 007 em Sem Tempo Para Morrer (2021).
  • 008 – Só mencionado em dois filmes: 007 contra Goldfinger (1964) e Marcado Para a Morte (1987).
  • 009 – Em 007 Contra Octopussy (1983), aparece no começo do filme em Berlim Oriental, disfarçado de palhaço no circo de Octopussy, filha de um antigo inimigo de Bond. Ele é ferido durante uma perseguição pelos gêmeos Mischka e Grischka e morre ao chegar à embaixada britânica. A morte do 009 (bem como o Ovo Fabergé falso que carregava) é o que dá início à investigação de 007. Em 007: O Mundo Não é o Bastante (1999), é dito que o agente 009 foi o responsável por colocar uma bala na cabeça do terrorista Victor Zokas (também conhecido como Renard). Por último, em 007 Contra Spectre (2015), Q (Ben Whishaw) diz a Bond que o carro Aston Martin DB10, originalmente designado para ele, foi transferido para as mãos do agente 009. Não que ele tenha se importado, já que Bond roubou o carro no dia seguinte.
  • 0011 – Mencionado apenas no livro O Foguete da Morte (1953), de Ian Fleming.
  • Os agentes 00 também fazem aparições em quadrinhos e jogos da franquia James Bond.

Pergunta de @marcelopatriciox, via Instagram / Fonte: Marcos Kontze, editor-chefe do site James Bond Brasil.

Por Rafael Battaglia / Superinteressante