Sequestrador de ônibus na Ponte Rio-Niterói usava arma de brinquedo, afirma porta-voz da Polícia Militar

0
256
-

O homem que sequestrou o ônibus na Ponte Rio-Niterói na manhã desta terça-feira usava uma arma de brinquedo . Informou o porta-voz da Polícia Militar, o coronel Mauro Fliess, à TV Globo. Segundo Fliess, o sequestrador morreu no local após disparos de um atirador de elite da corporação posicionado no local.

— Essa é a polícia que queremos ver. Foi necessário o disparo de um sniper para neutralizar o marginal e salvar todas as pessoas do ônibus. Ele está em óbito no local. Morreu. Estamos prestando toda atenção à saúde dos reféns e agindo com solidariedade. Parabenizo todos os envolvidos. Com a convicção que tínhamos, ela ( a operação ) terminou com êxito. Nenhum refém ferido, eles estão recebendo atendimentos médicos e psicológicos em caso de necessidade. Mas nenhum ferimento — disse Flies.

- Anúncio -

O SEQUESTRO

Após mais de 3h de cerco, um sequestrador que manteve passageiros de um ônibus como reféns na Ponte Rio-Niterói foi morto pela polícia.

Apesar da arma de brinquedo, Fliess destacou que o sequestrador jogou combustível no coletivo e, durante a ação, ameaçou incendiar o ônibus.

— Ele estava de posse de uma arma de brinquedo, porém, ele jogou combustível no ônibus e ameaçava incendiá-lo. Após ele ser neutralizado, as equipes identificaram que a arma que ele portava era de brinquedo — acrescentou o porta-voz da PM. (R7)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui