Últimas Notícias sobre Dilma Rousseff

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso afirmou que “o motivo real” para o impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT) foi a falta de apoio político, não as pedaladas. A declaração foi feita em um artigo que será publicado na edição de estreia da revista do Centro Brasileiro de Relações Internacionais (Cebri).

Imagem: Reprodução

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) descartou, nesta terça-feira (1º), ter a ex-presidente Dilma Rousseff (PT) como candidata a vice-presidente. Lula ainda defendeu a união das forças políticas para resolver os problemas do País.

Michel Temer defendeu a ex-presidente Dilma Rousseff, de quem era vice antes de assumir a Presidência em 2016, sobre os rumores de que ela estaria sendo afastada da campanha eleitoral de Luiz Inácio Lula da Silva (PT). As declarações foram concedidas ao podcast Descomplica Kelly Nesta terça-feira (18/1).

Foto: Divulgação

A ex-presidente Dilma Rousseff recebeu alta nesta quarta-feira (1), após passar por um cateterismo no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. A cirurgia pela qual foi submetida, chamada “fechamento de FOP por cateterismo”, tem como objetivo fechar um buraco no coração, decorrente de um defeito congênito. Uma das consequências do problema pode ser o aumento das chances de sofrer um derrame cerebral.

Foto: Roberto Stuckert Filho/PR

A ex-presidente da Dilma Rousseff (PT) precisou ser levada até o hospital Moinho de Ventos, em Porto Alegre, nesta terça (25) após ter um mal-estar na noite desta segunda-feira.

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

A ex-presidenta Dilma Rousseff usou as redes sociais para condenar o assassinato de João Alberto Silveira Freitas, homem negro de 40 anos, espancado até a morte por seguranças nas dependências de uma unidade do Carrefour, em Porto Alegre. Nas postagens, ela diz que o homicídio “é revoltante e mostra a persistência da violência escravocrata no Brasil”.

Ex-presidentes repudiam ataques de bolsonaristas ao STF Foto: Roberto Stuckert Filho/Divulgação

Todos os ex-presidentes da República que ainda estão vivos, Luiz Inácio Lula da Silva, Fernando Henrique Cardoso, Dilma Rousseff, Michel Temer, Fernando Collor e José Sarney, manifestaram repúdio aos ataques sofridos pelo Supremo Tribunal Federal (STF), na noite do último sábado, 13, e prestaram total solidariedade à Corte, em defesa da democracia e do respeito às instituições republicanas. O apoio ao Supremo foi divulgado nas redes sociais de alguns dos antigos mandatários.

Foto: Divulgação

Que as lives estão sendo um alento para muita gente durante a quarentena, ninguém duvida. E até a ex-presidente Dilma Rousseff acabou entrando, sem querer, na onda.

Foto : Metropress

Rádio Metrópole | Metro1 – O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva comentou o papel da ex-presidente Dilma Rousseff, sua sucessora na presidência da República, e admitiu que o governo petista errou no comando da economia do país. “Dilma era uma pessoa da mais alta competência e fidelidade, uma capacidade técnica extraordinária.

Brasília - DF, 02/09/2016. Presidenta Dilma Rousseff durante entrevista para agências internacionais no Palácio da Alvorada. Foto: Roberto Stuckert Filho/PR

A ex-presidente Dilma Rousseff (PT) afirmou que, por ser “incapaz”, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) quer culpar governadores pelas mortes e pela “fome” decorrentes da pandemia do novo coronavírus.

Close