Últimas Notícias sobre Faroeste

Foto: Reprodução

O advogado Ruthson Dourado Castro, defensor do empresário agrícola Dirceu Di Domenico, nega qualquer tipo de relação de seu cliente com a execução do agricultor Paulo Antonio Ribas Grendene, 62 anos. Levantou-se a suspeita porque, em setembro do ano passado, Grendene apresentou uma denúncia contra Domenico por tentativa de invasão das terras. O fato foi denunciado na delegacia regional de Barreiras, no oeste do estado.

O agricultor Paulo Antonio Ribas Grendene foi assassinado a tiros na noite da última sexta-feira (11), em Barreiras. O caso chama atenção principalmente porque Grendene havia denunciado investigados na Operação Faroeste, que apura o envolvimento de membros do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) num suposto esquema de venda de sentenças, formação de quadrilha, grilagens de terra na Região Oeste.

Foto: reprodução

A desembargadora Ilona Reis, do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), presa na Operação Faroeste em dezembro de 2020, escreveu uma carta denunciando uma trama entre o procurador-geral da República, Augusto Aras, e a subprocuradora da República, Lindôra Araújo, responsável pelas denúncias e investigação contra venda de sentenças no Judiciário baiano.

Foto: Divulgação MP

A desembargadora Ilona Maria dos Reis, presa na Operação Faroeste deflagrada em dezembro do ano passado, já formalizou acordo de delação premiada com a Procuradoria-Geral da República (PGR), segundo informações da coluna Satélite, do jornal Correio.

Foto: Divulgação

A Corregedoria Nacional de Justiça faz nesta quarta-feira (27) uma correição extraordinária em Formosa do Rio Preto, no Extremo Oeste baiano. A ação tem a ver com a Operação Faroeste, que investiga um esquema de venda de sentenças na região. Desde as primeiras horas da manhã, dois aviões de pequeno porte e pelo menos cinco carros chegaram ao município.

Foto : Divulgação/TJ-BA

O Ministério Público Federal (MPF) denunciou a desembargadora do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) Lígia Maria Ramos Cunha, seus filhos Arthur e Rui Barata, além de outros três advogados. A denúncia foi apresentada ontem (2) pelos procuradores. O grupo deve responder por organização criminosa. A denúncia é a sexta apresentada ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) desde a deflagração da Operação Faroeste, em 2019.

Fotos: Divulgação / TJ-BA

O ministro Og Fernandes, do Superior Tribunal de Justiça (STF), determinou o afastamento do desembargador Ivanilton Santos da Silva e do juiz João Batista Alcântara Filho.

Desembargadora Maria do Socorro Barreto Santiago (Foto: TJ-BA)

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) manteve as prisões preventivas, por mais 90 dias, dos réus investigados na Operação Faroeste, a pedido do Ministério Público Federal (MPF), por decisão do ministro Og Fernandes, proferida na sexta-feira (9). Os réus são investigados pelo esquema criminoso de venda de sentenças no Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA).

Foto : Divulgação/MP-BA

Um dos três presos hoje (10) na Operação Inventário foi identificado como o advogado João Novaes, que atua na defesa do “falso cônsul” da Guiné-Bissau Adailton Maturino, detido na Operação Faroeste, que investiga fraudes em decisões judiciais no Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA). A informação é do Bahia Notícias.

Foto: Reprodução / TV Globo

O Pleno do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) decidiu nesta quarta-feira (19) abrir um processo administrativo disciplinar contra o juiz Sérgio Humberto de Quadros Sampaio por dificultar o tramite de um processo criminal movido contra ele pela Bom Jesus Agropecuária. Apesar de estar em prisão preventiva por determinação do Superior Tribunal de Justiça (STJ), o pleno do TJ decidiu afastar administrativamente o juiz.

Close