Últimas Notícias sobre macaco

Mais um caso da doença causada pelo vírus Monkeypox (conhecida como varíola do macaco) foi confirmada nesta quinta-feira (14) pelos centros de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (Cievs) de Salvador e o da Bahia. O paciente mora na capital baiana e tem histórico de viagem internacional.

Com a confirmação do primeiro caso de Monkeypox em Salvador, nesta quarta-feira (13), a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) presta orientações sobre a doença. A enfermidade leva o nome “varíola dos macacos” por ter sido identificada pela primeira vez em 1958 em um macaco.

O Ministério da Saúde confirmou, nesta quinta-feira (16), que mais um caso de varíola dos macacos.

A Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab) identificou o primeiro caso suspeito da doença causada pelo vírus Monkeypox, mais conhecida como varíola do macaco. De acordo com a Sesab, o indivíduo residente na capital baiana foi internado com a tríade de sintomas da doença: febre alta de início súbito, adenomegalia e erupção cutânea.

CHRISTINE UYANIK/REUTERS

O primeiro caso de varíola do macaco confirmado na Alemanha é um brasileiro de 26 anos que havia viajado recentemente para dois outros países em que a doença já foi detectada: Portugal e Espanha, informou nesta sexta-feira (20) o site da empresa estatal de notícias Deutsche Welle.

Foto: Reprodução/ Portal Metrópoles

Um funcionário terceirizado que trabalha em um prédio residencial de Belo Horizonte (MG) encontrou bilhetes com teor racista. Ele acredita ser o alvo das ofensas por trabalhar na limpeza do local onde os papéis estavam.

Foto: Reprodução/Unicamp

Os peritos criminais do Instituto Criminalista da Polícia Civil do Distrito Federal estão monitorando as consequências de uma nova classe de drogas sintéticas, que despertam nos usuários comportamentos semelhantes aos de macacos. Já foi possível detectar efeitos que vão de “coragem ilimitada”, acompanha a onda de alucinações. O corpo curvado semelhante o ímpeto para pular de prédio ou se jogar contra veículos também são sintomas provocados.

Foto: Divulgação SSP

Ferido, desidratado e assustado. Esse foi o estado em que policias da Companhia Independente de Polícia e Proteção Ambiental (CIPPA) de Lençóis receberam um pequeno macaco, após alerta de socorro de um morador de Tanquinho, distrito onde a unidade é sediada.

(Carlos Eduardo Alvim/TV Globo)

Uma mulher foi detida suspeita de injúria racial, na noite da última terça-feira (24), em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. De acordo com a vítima, Ariane Ellen Viriato teria o chamado de “macaco, safado e fedorento”.

Foto: Reprodução / Vídeo Uol Esporte

Às vésperas da final final da Libertadores, torcedores de Flamengo e River tomaram as ruas de Lima, no Peru, com muita festa.

Close