Últimas Notícias sobre Mineirão

Foto: Divulgação/ Arena Independência

O duelo entre Cruzeiro e Vitória, quarta-feira (11), às 19h, pela 17ª rodada da Série B, foi transferido de lugar. A partida que antes seria no Mineirão, em Belo Horizonte (MG), passou para o Independência, também na capital mineira.

Rossi disputa bola com Allan, volante do Atlético-MG (Foto: Felipe Santana/EC Bahia)

Deu Galo no primeiro dos três confrontos entre Bahia e Atlético-MG que acontecerão nos próximos 10 dias. Por goleada. Na partida de ‘reconhecimento’ entre as duas equipes, o time mineiro venceu o tricolor por 3×0 com dois gols do aniversariante Hulk e um de Nathan nos acréscimos. Foi a terceira derrota consecutiva do Bahia no Campeonato Brasileiro e também a terceira vez seguida que o time de Dado Cavalcanti passou em branco no placar. O tricolor segue estagnado com 17 pontos na tabela de classificação e pode cair mais uma posição, podendo dormir em nono até o final da rodada.

Bahia criou boas chances, poderia ter saído com a vitória, mas valorizou empate no fi (Foto: Rafael Machaddo/EC Bahia)

O resultado não foi bem o que os tricolores esperavam e precisavam, mas na noite deste sábado (13), o Bahia arrancou o empate por 1×1 com o Atlético-MG, no Mineirão, e conquistou um pontinho precioso na luta contra o rebaixamento.

O ato racista foi visto por milhares de pessoas e pode render puniçoes até para o Atlético-MG- (Reprodução/Twitter)

A Polícia Civil de Minas Gerais informa que já tomou conhecimento dos fatos ocorridos no Estádio Mineirão, ontem. Os autores já foram qualificados e responderão pelo crime de injúria racial, que prevê a pena de 1 a 3 anos de reclusão e multa- postou em nota no Twitter a polícia civil.

Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro

O Bahia segue sua maré sem triunfos. Desta vez, ficou no empate em 1×1 com o Cruzeiro, na noite deste domingo (3), no Mineirão. Mesmo com um a mais desde os 18 minutos do segundo tempo, o tricolor não soube aproveitar a vantagem e chegou ao seu quarto jogo sem fazer os três pontos no Brasileirão.

Gabriel Jesus durante o duelo contra a Argentina pela semifinal da Copa da América 2019, no estádio do Mineirão (02/07/2019) Foto: GLEDSTON TAVARES/FRAMEPHOTO / Estadão

O atacante Gabriel Jesus teve provavelmente o seu jogo mais emblemático com a camisa da Seleção Brasileira na noite desta terça-feira (2), contra a Argentina, no Mineirão, pela semifinal da Copa América, mas não foi só sorrisos após o 2 a 0. Questionado na zona mista do estádio sobre um papo com o comentarista da TV Globo Walter Casagrande, a princípio um incentivo, ele disse não ter gostado do que ouviu.

Comemoração de Gabriel Jesus no primeiro gol contra a Argentina/ Foto: Felipe Moreno / MoWA Press

O Brasil está na final da Copa América. O time Canarinho venceu a Argentina por 2 a 0 na noite desta terça-feira (2), no Mineirão. Gabriel Jesus abriu o placar aos 18 minutos do primeiro tempo, e Firmino marcou o segundo, aos 25 da etapa final.

O jogador Machis, da Venezuela, comemora seu gol marcado diante da Bolívia, durante partida válida pela 3ª rodada do Grupo A, realizada no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte (MG), neste sábado, dia 22. Foto: GUSTAVO RABELO/PHOTOPRESS / Estadão Conteúdo

Não houve Marcelo Moreno no Mineirão, onde o centroavante fez história pelo Cruzeiro, que impedisse a Venezuela de aproveitar a vitória brasileira sobre o Peru e garantir a segunda colocação do Grupo A da Copa América. Mostrando organização e bom volume ofensivo, a seleção Vinho Tinto contou com dois gols de um inspirado Machís, e um de Martínez, para vencer a Bolívia por 3 a 1, neste sábado, em Belo Horizonte. Justiniano descontou para os bolivianos.

Close