Últimas Notícias sobre saque-aniversário

A Caixa Econômica Federal anunciou nesta quinta-feira (23) a antecipação do saque aniversário do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Serão permitidos a liberação de até três saques e a linha de crédito terá um valor mínimo de R$ 2 mil.

A Caixa Econômica Federal anunciou nesta quinta-feira (23) a antecipação do saque aniversário do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Serão permitidos a liberação de até três saques e a linha de crédito terá um valor mínimo de R$ 2 mil.

- Foto: Caixa Econômica

ACaixa Econômica vai disponibilizar, a partir da próxima segunda-feira (27), uma linha de crédito de Antecipação do Saque-Aniversário do FGTS. A nova linha oferece condições diferenciadas aos trabalhadores, que não precisarão esperar o mês de seu aniversário para terem acesso aos recursos do Saque-Aniversário.

Aplicativo Caixa Econômica Federal- FGTS.

Em vigor desde abril para parte dos trabalhadores que aderiram à modalidade, o saque-aniversário do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) poderá ser usado como pagamento ou garantia de empréstimos com instituições financeiras. A medida valerá para linhas de crédito contratadas a partir de 26 de junho.

© Divulgação

Termina hoje (31), às 23h59, o prazo para trabalhadores assalariados optarem livremente pela modalidade de saque-aniversário de parcela do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

Foto: Marcelo Carvalho / AgBr

Os trabalhadores já podem optar pelo Saque-Aniversário do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). A opção pode ser registrada no aplicativo do FGTS ou na página. Essa modalidade de saque foi criada pela Medida Provisória nº 889/2019. Ao confirmar esta opção em um dos canais divulgados pelo banco, o trabalhador deixará de efetuar o saque em caso de rescisão de contrato de trabalho.

Foto : Reprodução

O trabalhador brasileiro poderá ter acesso ao valor total do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) via instituições financeiras, caso opte pela modalidade de saque-aniversário. A medida provisória assinada pelo presidente Jair Bolsonaro nesta semana contempla essa possibilidade

Close