Tiroteio na UFBA que teve BOPE, Rondesp e Graer acaba com suspeito morto, confirma PM

Foto: Divulgação

Uma pessoa morreu no confronto registrado nas dependências da Universidade Federal da Bahia (UFBA), no campus de Ondina, em Salvador. O caso aconteceu na tarde de terça-feira (27/7).

A ação contou com servidores do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), da 41º Companhia Independente (CIPM/Federação) e da Companhia Independente de Policiamento Tático (CIPT/Rondesp Atlântico)

De acordo com a PM, tudo começou após rondas ostensivas e preventivas realizadas pela Rondesp. Durante a ação, os agentes se depararam com um grupo de homens armados, nas localidades do Alto das Pombas e São Lázaro.

Os PMs teriam sido recebidos a tiros, e durante o revide, os suspeitos procuraram abrigo adentrando em uma mata que pertence às dependências da UFBA, com acesso aos bairros da Federação e Ondina. Com o apoio de uma aeronave do Grupamento Aéreo (Graer), os agentes iniciaram cerco à região, mas foram novamente recebidos a tiros.

Após o confronto, os PMs encontraram um homem alvejado, que foi detido e socorrido para o Hospital Geral do Estado, onde foi atendido, mas ele não resistiu aos ferimentos. Ainda conforme a PM, o homem portava uma pistola, dois tabletes prensados de maconha, e outros materiais. Não há informações sobre os outros envolvidos. (Forte da Notícias)