Varejo projeta queda de 29% nas compras do Dia dos Namorados

-
Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

O setor de varejo projeta queda de 29% nas compras para o Dia dos Namorados. O percentual representa queda de R$ 450 milhões em comparação ao mesmo período no ano passado. A perspectiva acompanha a tendência de desempenho dos feriados de Dia das Mães e Páscoa.

A Fecomércio-BA tem expectativa de que o faturamento seja da ordem de R$ 1,12 bilhão, em setores como vestuário, eletroeletrônicos, farmácias e perfumarias. De acordo com Guilherme Dietze, consultor econômico da entidade, a projeção é consequência de diferentes fatores: quarentena, lojas fechadas, aumento do desemprego e consequente redução da renda, priorização dos gastos essenciais e acesso restrito ao crédito.

“Importante lembrar também que o setor de Serviços tem grande participação no Dia dos Namorados e que, este ano, deve sofrer um enorme impacto por causa da pandemia. Os casais buscam, tradicionalmente, reservar mesas em bares e restaurantes, hotéis, motéis etc.”, acrescentou.

Por causa do cenário, as pessoas deverão consumir serviços por aplicativos. (Bahia.Ba)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui