A falta de adesão ao uso dos medicamentos pelos pacientes é um grande problema de saúde pública

0
122
-
Foto divulgação

A dificuldade do paciente em usar os medicamentos prescritos de forma correta, seguir a dieta ou modificar seu estilo de vida, de acordo com as orientações da equipe multidisciplinar, é problema sempre presente no tratamento das doenças. (VALLE EA, 2000). A Organização Mundial da Saúde (OMS) considera que a não adesão a terapias de longo acontece em cerca de 50% na população geral, sendo que em países menos desenvolvidos estes valores podem ser muito superiores (WHO, 2003).

A não adesão ao tratamento medicamentoso está diretamente relacionada ao aumento da morbimortalidade (índice de pessoas mortas em decorrência de uma doença específica dentro de determinado grupo populacional), especialmente em doenças com hipertensão, diabetes, obesidade, dislipidemias, depressão, dentre outras. (SIMPSON ET AL., 2006; WU ET AL., 2006; SOKOL ET AL., 2005).

- Anúncio -

A questão é complexa, pois não se trata somente de seguir o que foi indicado pelos profissionais de saúde. A adesão ao tratamento engloba fatores socioeconômicos, questões relacionadas com o tratamento e com o paciente. Sua compreensão sobre os benefícios, aceitação de uma eventual mudança no seu estilo de vida, a própria doença e até, eventualmente, aspectos referentes ao sistema de saúde.

Para compreender a não adesão é importante reconhecer o papel central do paciente nesse contexto, sem deixar de lado os determinantes relacionados ao tratamento e aos serviços de saúde, como acesso aos medicamentos, apoio dos familiares, reações adversas aos medicamentos, custo da terapia, e acesso a serviços de saúde qualificados. (REMONDI, F, 2015).

As estratégias mais importantes para promoção da adesão são: Desenvolver uma relação de confiança entre o paciente e o profissional de saúde e construir um sistema de monitoramento da adesão do paciente ao que foi prescrito (ALPERT, 2014). Nesse sentido a Farmácia escola da FAMAM instala uma campanha educacional voltada a promoção da adesão a terapia para estabelecer uma relação de confiança entre pacientes e profissionais de saúde. O controle de consumo de medicamentos é mais um serviço da FAMAM que visa garantir o bem-estar da população através do acompanhamento da administração mensal

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui