Ferrary revela como surgiu a sua famosa marca ‘o DJ da Bahia’: “Foi na base do preconceito”

No Voz da Bahia, DJ Ferrary exibe a camisa com a frase: 'respeita a minha história' - Foto: Voz da Bahia

O locutor Cláudio Ferreira Souza Ribeiro, popular DJ Ferrary, esteve na live do do Voz da Bahia, às 12h30 e falou um pouco da sua carreira e dos seus projetos para 2019. Amargosense, DJ Ferrary morou no município por muito anos, porém resolveu alcançar novos horizontes e outras localidades, “sair de Amargosa, fui trabalhar em Milagres, depois Castro Alves. Fiz a inauguração das rádios dessas duas cidades e depois vim para Santo Antônio e já estou aqui há 13 anos”, diz.

Como surgiu a carreira de DJ:

O mesmo revela que começou sua carreira de locutor e DJ ainda Amargosa, “as pessoas começaram a me chamar para tocar todas as mesmas músicas que eram sucessos no rádio, isso em aniversários, casamentos, formaturas. O nome DJ é derivado da locução, muitos DJ’s saíram das emissoras de rádio, e eu já estou há 15 anos na área”, esclarece.

Inovações:

DJ Ferrary revela que muitas ideias hoje usadas por diversos DJ´s surgiu a partir de seus descobrimentos, “o uso do microfone por exemplo, ninguém utilizava. O DJ antes ficava só de cabeça baixa tocando, e seu sempre empregava o microfone, porque eu sou locutor, então sempre quis ter esse contato com o público” revelou. Além disso, Ferrary relembra ainda que foi muito criticado por trazer outros ritmos musicais para o recôncavo baiano como o funk e inovar com dançarinos em cima do palco em seus shows.

Surgimento da marca: ‘DJ da Bahia’

O locutor esclarece que a famosa marca, o ‘DJ da Bahia’, veio após ser convidado para tocar fora de estado, “eu fui tocar em uma boate em São Paulo muito badalada, então perguntaram qual o DJ que estava tocando, foi quando disseram o ‘DJ da Bahia’; só que eles falaram com preconceito muito forte, eles achavam que aqui na Bahia não existia um profissional nesta área, um DJ. Então resolvi me apropriar dessa frase que usaram com desprezo. Até hoje levo essa marca de ‘DJ da Bahia’ com muito orgulho”, explicou.

Demissão da Recôncavo FM:

Claudio demonstra emoção ao falar da sua entrada na Recôncavo FM há 13 anos atrás e o espaço que teve na emissora, “eu agradeço muito Álvaro Martins, sei que não existe mais entre nós, mas foi um grande homem que trouxe a rádio para Santo Antônio, agradeço a Recôncavo FM, por me trazer os ouvintes, agradeço primeiro a Deus, aos meus amigos e a rádio porque aqui em criei raiz e a você Marcus Augusto, meu professor que me ensinou a ter garra em tudo que fizer, muito obrigado Marquinhos”, frisou.

Novos projetos

Atualmente Dj Ferrary toca não só em eventos públicos como vaquejadas, baladas, em eventos particulares, aniversário, casamentos entre outros. Além disso o DJ da Bahia está com um novo projeto chamado para crianças: a “Balada Infantil”. No Instagram oficial do DJ Ferrary é possível acompanhar a sua agenda; @djferraryoficial.

Reportagem: Voz da Bahia