Após votar em Chico de Dega para presidência da Câmara, Cristiano Sena afirma: “não mudei de lado, olho por S. A. de Jesus”

Foto: Voz da Bahia

Durante a sessão de posse do vereador Francisco Damasceno, o Chico de Dega (DEM), ao cargo de presidente a Câmara de Vereadores de Santo Antônio de Jesus (reveja aqui); seu colega parlamentar, Cristiano Sena (PSD), falou ao Voz da Bahia sobre suas expetativas para o novo biênio 2021/2022, “este dia é muito importante para nossa cidade, para os vereadores eleitos. Aqui decidimos quem vai administrar a Câmara durante”, falou.

INTERFERÊNCIA DA JUSTIÇA:

Cristiano discutiu sobre o mandado de segurança com pedido liminar contra um possível ato ilegal praticado pelo ex-presidente da Câmara, Antônio Barreto Nogueira Neto, o Tom (PSB), que posteriormente foi derrubado pelo TJ-BA (clique e reveja), “eu estou tranquilo. Acho que as esferas de poderes da justiça não podem intervir um ao outro, mas o que importa é que não importa quem presidiu a sessão, desde que as coisas aconteçam de forma normal”, disse.

MUDANÇA DE GRUPO:

Para Sena, mudar de lado não significa nada quando a a melhoria da cidade está em primeiro lugar, “esse negocio de mudar de lado, eu nunca mudei de lado, meu lado sempre foi e sempre será Santo Antônio de Jesus. Eu estou a favor da unidade. A disputa política terminou no 15 de novembro. Para mim nunca importou o lado que eu estava, o importante é que eu vou ser contra as coisas imorais e erradas. As coisas que forem benéficas para a cidade, temos que assinar e andar juntos para o desenvolvimento”, concluiu.

Reportagem: Voz da Bahia