Bolsonaro diz que cogita nomear o filho como embaixador dos EUA

1
168
-O deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) (Cristiano Mariz/VEJA)
O deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) (Cristiano Mariz/VEJA)

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira que cogita nomear o seu filho 03, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), para ser embaixador nos Estados Unidos. “É uma coisa que está no meu radar, sim, existe a possibilidade. Ele é amigo dos filhos do Trump, fala inglês, espanhol, tem uma vivência muito grande de mundo. E, no meu entender, poderia ser uma pessoa adequada e daria conta do recado”, disse o presidente. Após a fala, Eduardo Bolsonaro confirmou a disposição de assumir o posto. “Se receber essa missão, vou cumprir”, afirmou. Bolsonaro admitiu a possibilidade da nomeação em coletiva após a cerimônica de posse do novo diretor-geral da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), Alexandre Ramagem. Segundo o presidente, a nomeação agora depende de Eduardo, que é presidente da Comissão de Relaçõres Exteriores da Câmara dos Deputados. “Fiquei pensando: imagina se tivesse no Brasil aqui o filho do Macri (presidente de Argentina) como embaixador. Obviamente, o tratamento seria diferente do outro”, afirmou Bolsonaro. (Veja)

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui